Arquivo de etiquetas: democracia

Crónica: Hoje somos todos José Manuel Coelho

Então um site de esquerda apoia o José Manuel Coelho?”, é a interrogação que mais temos recebido a propósito da petição lançada pelo vermelhos.net com o lema “Todos os candidatos têm direito ao espaço público informativo”.

Compreendemos a questão que nos é colocada, mas essa incompreensão revela também como é difícil para alguns separarem as suas convicções político-ideológicas particulares daquilo que são os valores fundamentais da democracia. E o que aconteceu com a decisão de excluir José Manuel Coelho dos debates foi um acto anti-democrático que, agora que se confirma a candidatura do mesmo, tem de ser corrigido.

Também já nos foi colocada a situação de Luís Botelho Ribeiro, que continua a pugnar pela admissão como candidato, e, como é óbvio, tudo o que dizemos em relação a JM Coelho aplica-se a quem mais venha a validar a candidatura.

Continuar a ler

Louçã lança ataque ao Presidente

O coordenador do Bloco de Esquerda, Francisco Loução, afirmou no seu mais recente discurso que a escolha das presidenciais é entre a democracia ou a indiferença.

Durante o seu discurso, Francisco Loução afirmou, também, que o Bloco de Esquerda é o único partido verdadeiramente empenhado nas eleições, deixando assim um sabor amargo na boca dos seus adversários.

Loução aproveitou também a oportunidade para criticar o Serviço Nacional de Saúde, afirmando que o mesmo é praticamente inexistente, daí existir a necessidade de recriar todo o serviço.

Alegre aponta Cavaco Silva como o culpado pela crise económica

Sem papas na língua, Manuel Alegre não hesitou, este Domingo, em acusar o actual Presidente da República de corresponsabilidade pela crise económica que o País se encontra a atravessar.

“Todos somos corresponsáveis, mas o Presidente da República é eleito por sufrágio directo. O Presidente da República, ao falar na cooperação estratégica, tinha implícita a ideia de que há uma partilha na definição das linhas políticas do Governo”, afirmou Manuel Alegre, durante a apresentação dos seus mandatários.

Manuel Alegre afirmou ainda reconhecer que, nas próximas eleições presidenciais, espera-lhe uma tarefa extremamente difícil, tendo em conta o actual estado estado da economia Portuguesa, mas que fará todos os possíveis ao seu alcance para devolver ao povo Português o tão importante sentimento de esperança e crença na democracia.