Eleições Presidenciais 2011 custam 12 milhões para o Estado

Conhece o custo total da campanha eleitoral da primeira volta para o Estado português?

As presidenciais 2011 custaram aos cofres do Estado cerca de doze milhões de euros.

Caso não exista segunda volta, a soma dos custos é simples de fazer: 3,8 milhões para subvenções estatais, 3,3 milhões para os tempos de antena e mais 3 milhões de euros para o pagamento das mesas eleitorais. Acrescenta-se ainda um valor desconhecido respectivo à restante logística.

Apesar do Estado ter reduzido a despesa em relação às últimas eleições presidenciais (diminuiu 10% nas subvenções estatais e 20% nos tempos de antena), este valor é pago pelos impostos dos contribuintes.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *